Práticas pedagógicas com tecnologias audiovisuais e conteúdos digitais para o desenvolvimento curricular e aquisição de competências transversais

11 Nov

Foi solicitada validação à DRE, para esta formação, num total de 6 horas assim distribuídas: 3 horas presenciais e 3 horas de trabalho individual.

DESIGNAÇÃO DA AÇÃO DE FORMAÇÃO                         

Práticas pedagógicas com tecnologias audiovisuais e conteúdos digitais para o desenvolvimento curricular e aquisição de competências transversais.

DATA DA REALIZAÇÃO

19 de novembro (presencial) – 14h30/17h30 [3 horas]

Trabalho Autónomo – [3 horas]

FORMADOR

José António Moreira

JUSTIFICAÇÃO

Conscientes da necessidade de dotar os professores de informações de teor teórico-prático sobre a Autonomia e Flexibilidade Curricular, e procurando perceber como este se pode articular com as aprendizagens essenciais, com diferentes pedagogias e metodologias focadas na interdisciplinaridade, com tecnologias audiovisuais e conteúdos digitais, e sobretudo com o desenvolvimento das competências definidas no documento O Perfil do Aluno à Saída da Escolaridade Obrigatória, homologado pelo Despacho n.º 6478/2017, 26 de julho, desenhou-se esta AFCD.

DESTINATÁRIOS

Docentes de todos os grupos disciplinares

CONTEÚDOS

I – Ambientes Educativos enriquecidos Tecnologias Audiovisuais e Digitais

1. Pedagogia e Aprendizagem em Ambientes Digitais: modelos de desenvolvimento e metodologias ativas.

2. Ecossistemas e Ambientes Digitais de Aprendizagem em Rede.

3. Tecnologias Audiovisuais para a criação de ambientes de aprendizagem.

METODOLOGIA DA FORMAÇÃO

A presente ação funciona na modalidade de blended learning, com 3 horas presenciais e três em ambiente digital, com recurso a uma plataforma de eLearning. A ação de formação tem como quadro geral de referência, em termos de metodologia, um modelo pedagógico baseado nos princípios do construtivismo, da aprendizagem colaborativa e pela resolução de problemas.

AVALIAÇÃO DOS FORMANDOS

Os formandos serão avaliados individual e quantitativamente, numa escala entre 0 e 10, de acordo com os critérios definidos e considerando as orientações emanadas pelo Conselho Científico e Pedagógico de Formação Contínua: «Excelente: de 9 a 10 valores; Muito Bom: de 8 a 8,9 valores; Bom: de 6,5 a 7,9 valores; Regular: de 5 a 6,4 valores; Insuficiente: de 0 a 4,9 valores»

Espera-se que durante a ação o formando participe ativamente na discussão, sendo que no final da ação terá de elaborar um relatório de reflexão crítica (até 3 páginas).

No início da ação serão fornecidos aos formandos os critérios e parâmetros de avaliação, que se prendem, por um lado, com a participação ativa durante a sessão presencial da formação e, por outro, com a qualidade científica e pedagógica do relatório produzido.

BIBLIOGRAFIA

  • Alves, L., & Moreira, J. A. (orgs.) (2017). Tecnologias & Aprendizagens. Delineando Novos

Espaços de Interação. Salvador: EDUFBA.

  • Cohen, A. (2018). Guia da Autonomia e Flexibilidade Curricular. Lisboa: Raiz Editora.

Martins, G. (coord.) (2017). Perfil dos Alunos à Saída da Escolaridade Obrigatória. Lisboa:

  • Ministério da Educação/Direção Geral de Educação.
  • Monteiro, A., Moreira, J. A. & Almeida, A. C. (orgs.) (2012). Educação online: Pedagogia e

Aprendizagem em Plataformas Digitais. Santo Tirso: De Facto Editores.

  • Moreira, J. A., & Monteiro, A. (coord.) (2012). Ensinar e aprender online com tecnologias

digitais: abordagens teóricas e metodológicas. Porto: Porto Editora.

  • Moreira, J. A., & Monteiro, A. (2015). Training and Collaborative Tools for Teaching in the

Social Web, Revista Diálogo Educacional, 15 (45), 379-397, disponível a partir de

http://www2.pucpr.br/reol/pb/index.php/dialogo?dd1=15314&dd99=view&dd98=pb

(ISSN: 1518- 3483; e-ISSN 1981-416X) DOI:

10.7213/dialogo.educ.15.045.DS01

  • Porto, C. & Moreira, J. A. (Org.) (2017). Educação no ciberespaço. Novas configurações,

convergências e conexões. Sergipe: Editora Universitária Tiradentes- EDUNIT.

Relembramos os critérios de seleção:

  • 1.º associados do SPM
  • 2.º não associados do SPM

Poderá inscrever-se, por telefone (291 206 360) ou online, clicando aqui.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.