Inteligências múltiplas e estilos de aprendizagem: novos desafios à profissionalidade docente.

6 Dez

DESIGNAÇÃO DA AÇÃO DE FORMAÇÃO

Inteligências múltiplas e estilos de aprendizagem: novos desafios à profissionalidade docente.

 

 

DATA DA REALIZAÇÃO

 

Dias 11 e 18 de janeiro de 2019: das 14h00 às 18h00;

    Dias 12 e 19 de janeiro de 2019: das 09h00 às 13h00;

Dia 25 de janeiro de 2019: das 14h00 às 18h30;

Dia 26 de janeiro de 2019: das 09h00 às 13h30.

 

 

DESTINATÁRIOS

Docentes de todos os grupos disciplinares.

 

 

METODOLOGIA

  1. Partilha das representações dos formandos acerca das diferentes formas de aprender e de ensinar;
  2. Análise teórica do conceito de inteligência e da aprendizagem, enquanto processo social e individual, com a participação dos formandos em cada um dos itens em análise;
  3. Análise do enquadramento legal que sustenta as diferentes abordagens práticas, no atendimento à diferença;
  4. Trabalhos coletivos e de grupo e/ou de pares que visam a resolução de situações problemáticas e envolvem estratégias diferenciadas de ação pedagógica, correspondentes às diferentes formas de aprender;
  5. Debate coletivo acerca dos trabalhos produzidos;
  6. Reflexão e sistematização de alguns princípios pedagógicos que fundamentam as práticas: síntese conclusiva.

 

 

 

 

 

CONTEÚDOS E DISTRIBUIÇÃO HORÁRIA

 

Módulo I

Do conceito de inteligência aos estilos de aprendizagem

–     Inteligência: conceitos e importância;

–     Inteligências múltiplas de Gardner: definição e importância;

–     Aprendizagem: papel do aluno e papel do professor;

–     Estilos de aprendizagem: caraterísticas e importância;

–     Inteligências múltiplas e estilos de aprendizagem – o que têm em comum?

8h
Módulo II

Atividades Práticas

–     Somos 100% inteligentes;

–     Qual é o meu estilo de aprendizagem preferencial?

–     Qual é o meu estilo de ensino preferencial?

–     Como combinar estilos de ensino com estilos de aprendizagem?

8,5h
Módulo III

Implicações Pedagógicas

 

–     Implicações pedagógicas do conhecimento que o professor tem acerca das inteligências múltiplas e dos estilos de aprendizagem, com o objetivo de promover aprendizagens significativas;

–     Definição de diversos percursos pedagógicos flexíveis em função das diferenças que caraterizam os alunos;

–     Construir novas propostas de ação pedagógica em consonância com os perfis de aprendizagem de cada aluno.

8,5h

 

 

 

AVALIAÇÃO DOS FORMANDOS

Os formandos serão avaliados conforme estipulado na Carta Circular CCPFC -3/2007 do Conselho Científico-Pedagógico da Formação Contínua:

«Excelente – de 9 a 10 valores; Muito Bom – de 8 a 8.9 valores; Bom – de 6.5 a 7.9 valores; Regular – de 5 a 6.4 valores; Insuficiente – de 1 a 4.9 valores.»

 

– Participação ativa nas sessões – 20%;

 

– Trabalho individual – Reflexão acerca de alguns tópicos abordados na formação – 80%.

Inscrições online aqui!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.